Blog médico: vale a pena investir?

Hoje, o blog se constitui como uma importante ferramenta de marketing digital. A partir dele, uma empresa pode ter uma relação mais direta e educativa com seus clientes, se tornar referência na sua área e alcançar os seus objetivos. É uma solução que pode ser utilizada pelos mais diversos setores que compõem a economia, como saúde, educação, tecnologia e lazer, por exemplo.

Segundo pesquisa realizada pelo Google sobre como os brasileiros pesquisam e consomem conteúdo de saúde, o Brasil é o país em que as buscas referentes a essa área mais cresceram no último ano (17,3%). Se você é um profissional da área da saúde e existem pessoas procurando sobre esse assunto, elas precisam te encontrar. Nesse artigo, te explicamos como possuir um blog pode te ajudar nisso.

Sem gastar um real, transforme o Google no seu melhor amigo.

A partir de um blog, é possível melhorar a posição do seu site nos mecanismos de buscas da web, como Google e Bing, por exemplo. O que pode aumentar a quantidade de visitantes no seu site e, consequentemente, o seu número de pacientes.

E o melhor de tudo: você pode conseguir esses resultados sem gastar um real com anúncio. Sim, o blog é o melhor amigo da busca orgânica. Isso porque em seus textos é possível acionar estratégias de marketing, como palavras-chave, técnicas de SEO e backlinks que podem torná-lo mais relevante para os seus consumidores mas, principalmente, para os sistemas de buscas, elevando assim a sua posição nos resultados das pesquisas.

Ainda não se convenceu? Veja alguns dados de pesquisas que provam a importância de estar em primeiro lugar nas pesquisas.

  • 93% de todo o tráfego vem de um mecanismo de busca. – Search Engine Journal
  • 75% dos usuários nunca clicam em resultados após a primeira página dos resultados de pesquisa. – imFORZA
  • As taxas de conversão são em média 10 vezes maiores na pesquisa orgânica do que em redes sociais. – GoDaddy 2016

Eduque e conquiste a confiança dos seus pacientes ao mesmo tempo

Contando com um blog, é possível educar os seus pacientes a partir da publicação de conteúdos relevantes e de alta qualidade. A área médica, como se sabe, é cheia de expressões, procedimentos e especialidades que não são de uso ou entendimento da coletividade. 

Imagine que você é uma pessoa com diabetes e sempre acompanha as publicações de uma clínica ou de uma médica em específico. Quando você precisar de uma consulta, vai procurar essa pessoa/clínica, por que, na sua opinião, ela já se tornou uma referência no assunto. Consegue perceber a importância desse conteúdo? Ele cria um dos sentimentos mais importantes em qualquer relação, principalmente quando se trata de saúde, a confiança.

Aumente a visibilidade dos seus serviços

O blog pode ser utilizado não só para educar os clientes, mas também para promover os serviços do seu consultório médico. Todavia, é importante destacar que os especialistas recomendam usar apenas 20% do calendário editorial do blog para fazer publicações a respeito dos serviços do estabelecimento. Isso para não gerar cansaço em quem tem interesse no seu serviço, mas não está pronto para efetuar o negócio. 

Se a pessoa está somente procurando informações sobre diabetes, não adianta você dizer, insistidas vezes, para que ela marque uma consulta com você. Esse paciente ainda está a procura de conteúdos educativos e não promocionais. Logo, se você não tem isso para oferecer, ele vai procurar em outro lugar e você acaba perdendo essa oportunidade. 

O ideal, na verdade, é tentar mesclar os dois tipos de conteúdos (educativo e promocional). Por exemplo, abordar o que é cirurgia de catarata e em qual caso ela é recomendada e, no final do texto, fazer um resumo apresentando que oferece esse tipo de serviço, bem como criar uma chamada para ação, a qual leve a pessoa para a página do serviço abordado.

Como você pode observar, atualmente, contar com um blog médico é fundamental para o consultório ou clínica que deseja aumentar a visibilidade dos seus serviços, bem como as vendas, em geral.